segunda-feira, 17 de janeiro de 2011

Como limpar seus discos de vinil - parte 7O TOCA-DISCOS

Já estamos chegando ao final das postagens sobre cuidados básicos com o seu vinil, mas eu não poderia encerrar o assunto sem antes falar um pouco sobre os cuidados que você também deve ter com o seu toca-discos. Então, bóra seguir estas dicas para um melhor funcionamento do seu aparelho:



* Se você sabe que vai ficar um bom tempo sem ouvir nada no seu toca-discos, é melhor deixá-lo desconectado da tomada. Isto evita que o motor "magnetize" o circuito eletrônico (isto é para os aparelhos antigos que funcionam com grande motores), pois com o tempo isto pode vir a produzir um ruído chamado estática que prejudica o som do seu aparelho.

* Sempre mantenha o braço do seu toca-discos no gancho ou pedestal quando o mesmo não estiver sendo usado para evitar que alguma batida ou movimento brusco da agulha no vinil venha a arranhar os sulcos.

* Novamente, se você não for usar seu toca-discos por um longo período, assegure-se que o seletor de velocidade (33, 45 e 78 rpm) esteja em OFF, isto vale para os aparelhos com rolos de borracha. A explicação dada é a de que estes aparelhos é que em qualquer posição de velocidade em que se encontram, eles podem acabar "batendo" no rotor do motor, o que pode causar distorção na reprodução do disco, com o tempo a única solução acaba sendo a de trocar a rolo de borracha. Assim como alguns modelos não trazem a palavra OFF impressa (equipamentos IRT), deve-se colocar a ponta do seletor apontando para o rebite colorido na lateral do aparelho, que muitas vezes serve como indicador de velocidades.

Espero que todas estas dicas tenham ajudado vocês, estarei de volta amanhã com o post semanal das terças! Até amanhã e mantenham a fé!!

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Mesmo com a moderação de comentários, use seu bom senso. Caro (a) anônimo (a), por favor, identifique-se no comentário!