quinta-feira, 31 de maio de 2012

The Lovin' Spoonful - Do You Believe In Magic? (1965)

Esses quatro rapazes do Greenwich Village em Nova York, eram, como tantas outras bandas da época, a resposta norte-americana aos Beatles. Porém, eu afirmo, que de Beatles eles tinham levemente o corte de cabelo...

Uma colher cheia de amor: Zal Yanovsky, Steve Boone,  Jon Sebastian e Joe Butler. O nome Lovin' Spoonful veio de um dos versos da música Coffee Blues de Mississippi John Hurt.

Steve Boone (baixo) e Joe Butler (vocais e bateria) acabaram conhecendo os cantores de folk Jon Sebastian (vocais, harmônica e autoharpa) e Zal Yanovsky (guitarra), que na época tinham uma banda chamada Mugwumps. Eles tocavam com Mama Cass e Denny Doherty, - que mais tarde fizeram parte do The Mamas & The Papas - num clube Nova Iorquino chamado de Night Owl Cafe, uma espécie de quartel-genral dos beatniks da época. Sebastian e sua talentosa trupe formaram aquela que é considerada uma das melhores bandas da década de 60, a The Lovin' Spoonful. 
Tocando num estilo Sunshine Rock e com boas pitadas de folk, os rapazes escreviam a maior parte do seu material além de tocarem todos os instrumentos. Entusiastas da eletricidade em cima do palco, os rapazes só se utilizavam de instrumentos elétricos, um contraponto da visão de folk rock de qualidade só se tocava com instrumentos acústicos.

Apesar da "semelhança" com os Fab Four, recusaram uma oferta feita por Phil Spector, o produtor dos Beatles, alegando que "seriam engolidos pelo seu nome". Entretanto, Spector, juntamente com os compositores Barry Mann e Cynthia Weil escreveu a faixa número 5 deste álbum, You Baby

Este álbum de estréia da banda é simplesmente delicioso. Traz além da canção-título escrita por Sebastian, versões modernas de blues tradicionais, baladinhas e é, claro, muito folk. Lançado em novembro de 1965, Do You Believe In Magic é um hino atemporal de amor à música sem soar brega, ridículo ou riponga.



The Lovin' Spoonful - Do You Believe In Magic? (1965)


01. Do You Believe In Magic?
02. Blues In The Bottle
03. Sportin' Life
04. My Gal
05. You Baby
06. Fishin' Blues
07. Did You Ever Have To Make Up Your Mind?
08. Wild About My Lovin'
09. Other Side Of This Life
10. Younger Girl
11. On The Road Again
12. Night Owl Blues

download

Espero que tenham curtido! Vejo vocês amanhã, mantenham a fé!

8 comentários:

  1. "Do You Believe In Magic?" é um dos temas que mais enchem minha alma de um júbilo inexplicável! Sempre estou ouvindo o meu compactinho simples dela...

    Gostei muito da descrição que deu a musica: "[...] hino atemporal de amor à música sem soar brega, ridículo ou riponga."!

    Um grande beijo.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Meu Deus!! Eu sinto a MESMA coisa!! Pra mim essa é uma das canções mais incríveis de todos os tempos.

      E fiquei com alta inveja do compactozinho, viu?

      Beijos!!

      Excluir
    2. Pois é, é um tema fantástico!

      Quanto ao compactinho, nem precisa invejar, não! Se der uma busca nos Mercados Livres da vida consegue pegar uma cópia para você pagando pouco...

      Excluir
  2. São exatamente essas pequenas coisas que me fazem ver que eu nasci na época errada. Teria vivido com intensidade tudo isso.

    Obrigada pela dica! Há anos tenho conta no ML, já comprei várias coisas por lá, mas nunca me dei conta disso!

    beijos

    ResponderExcluir
  3. Oi "de novo"!
    Esse link tá quebrado... Ou melhor, tá dando File Not Found na hora do Download.
    Abraços!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Henrique! Testei o link e ele está funcionando...

      Excluir
  4. Bom dia, Penny Lane!

    O link ainda continua com File Not Found na hora do Download.....seria possível, por favor, vc. repostar?
    Seu blog é um dos melhores que já visitei. As informações são preciosas. Parabéns!

    BIRA

    ResponderExcluir
  5. Pôxa, Bira! Brigadão! Fico, ao mesmo tempo, muito emocionada e muito feliz.

    Acho que finalmente consertei o link do Lovin'. Você se importa de testar pra mim?

    Um grande beijo,

    Penny

    ResponderExcluir

Mesmo com a moderação de comentários, use seu bom senso. Caro (a) anônimo (a), por favor, identifique-se no comentário!