domingo, 29 de julho de 2012

Jogos Olímpicos

Finalmente os tão aguardados Jogos Olímpicos de Londres começaram. A abertura oficial de uma das maiores celebrações ao esporte do mundo começaram oficialmente no dia 27 de julho. Eu infelizmente não consegui assistir à cerimônia por estar presa no trabalho, mas quem viu disse que mesmo tendo direito a apresentação de Paul McCartney, The Specials e tradução simultânea em francês (???), a festança foi pra lá de chata! =/

Ainda assim, preparei um post especial para vocês, reunindo alguns dos fatos mais curiosos que aconteceram nas três Olimpíadas realizadas durante a década de 1960*.

Yoshinori Sakai acendendo a pira olímpica em 10/10/1964
No dia 10 de outubro de 1964, durante a abertura dos Jogos Olímpicos realizados no Japão, houve grande comoção do público na entrada do cidadão Yoshinori Sakai. Ele teve a honra de ser o escolhido para acender a pira olímpica e nasceu no mesmo dia em que jogaram a bomba atômica em sua cidade natal, Hiroshima.

Robbie Brightwell e Ann Packer

Também nas Olimpíadas de 1964, a inglesa Ann Packer, ganhadora dos 800 metros viu seu namorado Robbie Brightwell ser derrotado nos 400. Decidiu então dedicar sua vitória a Brightwell e acabou ganhando um beijo que entrou para a história.

Cartaz dos Jogos Olímpicos de  Roma em 1960

Os medalhistas Tommie Smith e John Carlos fazendo o gesto mais "Fight the power" da história da humanidade, e que mais tarde viria a se tornar o símbolo do Northern Soul.
 Em 1968 durante os jogos realizados na Cidade do México os norte-americanos Tommie Smith e John Carlos, respectivamente ouro e bronze nos 200 metros, subiram ao pódio descalços. Nos primeiros acordes do hino nacional norte-americano fecharam os punhos e os ergueram em saudação ao movimento Black Power. Eles faziam parte do Projeto Olímpico pelos Direitos Humanos e protestavam contra a segregação racial e a favor do direito dos negros. A confusão aumentou quando outros atletas do revezamento 4X400 não só ergueram os punhos, como também cobriram suas cabeças com boinas. Smith e Carlos foram suspensos pelo Conselho Olímpico Americano e tiveram 48 horas para deixarem o México.

Cartaz dos Jogos Olímpicos de Tóquio em 1964

Cartaz dos Jogos Olímpicos da Cidade do México em 1968.
Wym Essajas e uma das maiores mancadas da história dos esportes.
Durante os Jogos Olímpicos de Roma, realizados em 1960, o corredor Wym Essajas era o primeiro e também o único atleta do Suriname a participar dos Jogos. Ele se confundiu ao ler a placa com a tabela das provas eliminatórias de sua modalidade e ao invés de comparecer à pista para competir, ficou dormindo em seu alojamento. Quando percebeu o erro que havia cometido, arrumou as malas e viajou de volta ao seu País.

*Fonte: "O Guia dos Curiosos - Esportes" por Marcelo Duarte. Editora Cia. das Letras

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Mesmo com a moderação de comentários, use seu bom senso. Caro (a) anônimo (a), por favor, identifique-se no comentário!